Nossa última aventura: o CineMaterna!

Eu descobri o CineMaterna há pouquíssimo tempo. Na verdade, quem descobriu mesmo foi a Camila, que ficou tão encantada com a ideia que veio correndo me contar!

Pra quem não conhece e nunca ouviu falar, trata-se de sessões de cinema feitas especialmente para as mamães e seus bebês de até 18 meses! As sessões ocorrem em cinemas específicos da sua cidade (aqui em Curitiba acontecem no Cinemark Mueller, UCI Palladium e Espaço Itaú de Cinema Crystal) e são preparadas com todo o cuidado e carinho, pensando no conforto e bem-estar das mães (e pais também, por que não?!) e seus pimpolhos! O som é mais baixo que o normal, a sala fica um pouco mais iluminada, o ar condicionado não é tão forte e a equipe do CineMaterna deixa preparadinho na sala os trocadores e os tapetes com brinquedinhos para os pequenos se entreterem. Ideia de gênio, não acham?

Eu, que achava que minha vida cultural e social estava em plena decadência, fiquei fascinada por essa ideia! Até porque, convenhamos né gente, é super possível levar seu filho de poucos meses em um shopping, parque ou restaurante, mas levar ao cinema numa sessão normal não dá! Missão ultra impossível, em todos os sentidos! O problema é que sou completamente apaixonada por cinema e ficava pensando quando poderia assistir um filmezinho sequer na telona. Então, essa descoberta pra mim foi o máximo!!!!

Bom, na última quinta-feira catei a Giulia e minha mãe e fomos, finalmente, conhecer uma sessão do CineMaterna. Já na bilheteria fomos super bem atendidas por uma moça da equipe que nos deu boas-vindas e nos entregou uma amostra grátis de um dos patrocinadores (uma pomada Bepantol Baby). Ali já percebi que o negócio era sério mesmo e super organizado. Compramos um lanchinho rápido e fomos pra sala.

Já estava tudo devidamente arrumado e já conseguíamos sentir as diferenças de uma sessão regular: ar condicionado ameno, sala mais clara e som mais baixo…tudo como manda o figurino!

Durante o filme pouquíssimos bebês choraram e quando choraram foi tão baixo e rápido que não incomodou de forma alguma. A Giulia se comportou bem, quis chorar um pouquinho, mas logo em seguida dormiu. Perdeu o filme! Rs.

No meio do filme precisei trocar a fralda dela e fiquei impressionada com a disponibilidade e qualidade dos produtos. Fralda Pom Pom (nunca tinha experimentado e achei super boa), Pomada Bepantol Baby e Lenço Umedecido Natura Mamãe e Bebê. Bacana não?

Bom, seria tudo PERFEITO se o filme não fosse uma BOSTA! Hahaha! Tá, exagerei! Assistimos “Um Divã para dois”. Na verdade, foi meio que uma decepção, afinal eu esperava outra coisa desse filme. Eu amo a Meryl Streep e a considero uma excelente atriz…todos os filmes com ela geralmente são ótimos! Jurava que com esse não seria diferente! Então, já comecei a criar uma certa expectativa quando vi que era um filme protagonizado por ela (vale ressaltar que a atuação dela está ótima, como sempre! O Tommy Lee Jones também está impecável, sem palavras!). Ao ler a sinopse e assistir ao trailer fiquei super animada, pois parecia ser uma história bem fofa e próxima da realidade de muitos casais e, principalmente, parecia ter umas sacadas super engraçadas. Mas o filme é totalmente diferente do que é mostrado no trailer, eles pegaram as cenas com toque de humor e juntaram tudo pra parecer que o filme é super dinâmico e engraçado. Odeio quando fazem isso! O filme é MUITO parado, sério! Me deu até vontade de dormir! Não consegui inclui-lo em nenhum gênero, não é nem comédia, nem romance, nem comédia romântica…tá mais próximo de um drama bem sem sal! Hahaha. Mas acho que o problema de tudo foi o maldito do trailer, se eu já soubesse que o filme era mais melancólico, talvez eu tivesse gostado. Afinal, o enredo é super bacana e nos faz pensar bastante! É muito triste imaginar que um dia uma vida conjugal, um amor que começou cheio de vida e paixão, possa tomar este rumo!

Não quero dizer com tudo isso que eu preferia uma comédia romântica clichê, com humor fácil. Sem dúvida, um filme como esse é muito mais maduro e retrata os problemas de um casamento de anos de uma forma muito mais complexa e próxima da realidade! O problema é que eu não me preparei pra este tipo de filme. Não consigo entender porque cargas d’água quiseram passar uma impressão diferente no Trailer!

Sei lá, tá meio confusa essa minha crítica…cheguei a conclusão de que não consegui chegar a conclusão nenhuma! Prefiro assistir ao filme novamente, em uma outra vibe! Hahaha!

Mas eu tô aqui pra falar do CineMaterna né não?! Haha! Bom, por mim está mais do que aprovado! O CineMaterna é ótimo!!! Super indico a todas as mamães, papais e agregados. Rs.

Minha única queixa é em relação aos horários das sessões, normalmente às 11h ou às 14h. Acho que o ideal seria em torno de 16h. Mas até pra isso o CineMaterna tem uma explicação, eles escolhem os primeiros horários para garantir uma melhor qualidade do ar, uma vez que o ar condicionado ainda não está “viciado”. Tudo muito bem pensado, não acham?

Quem puder ir, vale muito a pena! E se quiserem mais informações é só acessarem o site!

Espero que gostem! 😉

 cinematerna

Mamys, Giulinha e eu na entrada da sala, prontas para curtir um cineminha! 😉

 

Seja o primeiro a curtir.

Psicóloga. Apaixonada por cinema, viagens, gastronomia e decoração. Mamãe da Giulia.

Deixe seu comentário

*