Game Hipoglós Amêndoas: Resumo da Semana I

Gente, confesso que estou adorando o Game Hipoglós Amêndoas e percebi que vocês gostaram também. Mas como nem todo mundo consegue assistir todos os dias resolvi fazer um resuminho semanal para manter vocês informadas e reunir todas as dicas preciosas dos profissionais! Então vamos lá.

  • Segunda-feira:  As mamães entraram na casa e logo receberam informações sobre alimentação  e sugestões de cardápios para os pequenos, já postei essa informação nesse post aqui.
  • Terça-feira: Na prova da imunidade as mamães deveriam decorar uma senha para abrir um cadeado e quem se deu bem foi a Jaqueline, mãe do Derick. Além disso apresentaram mais uma sugestão de cardápio.

Crianças com menos de 10 meses:
– Desjejum e ceia: preparações lacteas específicas;
– Colação: limão com couve;
– Almoço (sopa amassada com acréscimos): agrião, batata, couve, chuchu, músculo + massinha e feijão processado;
– Sobremesa: banana e pera;
– Jantar (sopa amassada com arroz papa ou massinha): agrião, beterraba, chuchu, batata, frango + massinha.

De 10 meses em diante:
– Desjejum e ceia: preparações lacteas específicas;
– Colação: limão com couve;
– Almoço (comida em pedacinhos): carne picadinha com chuchu, creme de aipim, arroz papa e feijão mulatinho;
– Sobremesa: gelatina e banana;
– Lanche (12 a 15 meses): creme de mamão com farinha láctea;
– Lanche (15 meses em diante): bolo de milho com aveia, suco de laranja, frutas da estação;
– Jantar (comida em pedacinhos): guisado de frango com batata e agrião, polenta, arroz papa e feijão mulatinho.

  • Quarta-feira:  Aconteceu a prova do chiqueirinho (paredão). Essa prova causou polêmica aqui no blog e eu concordo com todas vocês que  reclamaram! Os critérios de classificação não foram muito justos pois levaram em consideração somente o tempo para realizar o circuito de provas. Mas algumas mães foram mais rápidas justamente pelo fato de terem deixado de fazer algumas provas. Dessa forma ficou injusto né?! Deveriam levar em consideração o tempo e a realização das provas. Enfim, quem acabou indo pro chiqueirinho foram a Natanielle, mãe da Fernanda e a Patrícia, mãe da Mel.

Cardápio do dia:

Crianças com menos de 10 meses:
– Desjejum e ceia: preparações lacteas específicas;
– Colação: laranja com cenoura;
– Almoço (sopa amassada com acréscimos): espinafre, batata baroa (mandioquinha), abóbora, abobrinha, frango, gema + arroz de papa e feijão processado
– Sobremesa: maçã e papa de frutas;
– Jantar (sopa amassada com arroz papa ou massinha): espinafre, inhame, chuchu, abóbora, músculo, arroz papa.

De 10 meses em diante:
– Desjejum e ceia: preparações lacteas específicas;
– Colação: laranja com cenoura;
– Almoço (comida em pedacinhos): peixe ensopado com cenoura e vagem, mixer de batatas, arroz papa e feijão preto;
– Sobremesa: maçã e papa de frutas;
– Lanche (12 a 15 meses): vitamina de frutas com flocos de milho;
– Lanche (15 meses em diante): pão careca doce com queijo minas, suco de tangerina, frutas da estação;
– Jantar (comida em pedacinhos): carne picadinha com molho, suflê de chuchu, arroz e feijão preto.

  • Quinta-feira: Quem acabou saindo do Game foram a Natanielle e a Fernanda (confesso que fiquei com dó de ver as duas saindo do jogo, a Natanielle não conseguia nem falar, que aperto no coração gente!). As mamães participaram de um Workshop sobre alimentação e foram passadas várias dicas super legais. Vou listar algumas aqui:

– Não é necessário haver diferenciação entre o prato da criança e do adulto, é possível utilizar os mesmos alimentos, só que pra criança você pica ou bate no liquidificador (obviamente hehe). Isso facilita MUITO na hora de cozinhar né minha gente?! O bebê precisa ser estimulado a ter uma alimentação saudável e grande parte desse estímulo vem dos pais. Então  já matamos uns 4 coelhos com uma cajadada só, seguir essa dica facilita sua vida culinária, melhora sua alimentação, estimula seu filho a ter uma alimentação saudável e promove uma interação familiar única!

– É importante que o momento da alimentação seja calmo e sem stress, isso contribui para que a criança sinta prazer em se alimentar e tenha uma boa relação com a comida.

– O prato da criança ( e o seu também!) deve ser bastante colorido, com variedade de verduras e legumes.

– Deve-se evitar misturar na mesma refeição alimentos que contenham cálcio com alimentos que contenham ferro,  eles “competem” na absorção então é melhor consumi-los separadamente.

– Consumo de doces, eis a questão! A nutricionista Bia Rique orientou que não se proíba a criança caso ela queira experimentar em uma festinha ou evento, mas fique sempre de olho para a criança não exagerar! O importante é não estimular o consumo de doces (não tendo em casa, por exemplo) e tentar segurar ao máximo para que a criança venha a ter contato com esse alimento o mais tarde possível, mas não é legal proibir a criança se ela quiser comer.

Nesse mesmo dia o Educador Marcelo Bueno deu dicas para lidar com a birra dos pequenos. É algo difícil de lidar e tenho certeza que muitas mamães sofrem com isso. Bom, vamos às dicas:

– Lembre –se que a criança há pouco tempo estava no seu colo e conhecia o mundo daquela maneira, então ela começa a andar, se socializar e consequentemente passa conhecer o mundo de uma maneira totalmente diferente. É importante que as mamães compreendam esse momento e que esse tipo de atitude que elas tem é porque elas estão experimentando e conhecendo o mundo de uma maneira nova. Entendendo esse momento você faz uma intervenção sem ressentimento, sem pensar que a criança está fazendo “malvadeza” ou de propósito. Elas estão experimentando! E essa experimentação é um ótimo momento para educar!

– As crianças choram porque elas ainda não sabem falar, certo?! Então quando elas começarem a falar elas vão começar a elaborar os “nãos” de uma maneira diferente. Mas é assim mesmo, é importante  ser firme no “não” e impor limites desde cedo para que a criança aprenda até onde pode ir.

–  Se uma criança se apegar a um brinquedo, ele vai entender que é dele. Ela ainda não entende  ainda o que é seu e o que é do outro. Se você repetir que o brinquedo não é dela, eles vão conseguir organizar isso em forma de pensamento, e mais tarde em forma de atitudes.

  • Sexta-feira: Dia de mais uma prova de imunidade. Nessa prova as mamãe deveriam encontrar 3 objetos escondidos num tanque de areia (uma mamadeira, um chocalho e uma chupeta). Quem levou a melhor doi a Jaqueline, mãe do Derick. Ela ganhou a imunidade mais uma vez, sortuda não?!

Bom gente, esse é o resumo dessa semana. Eu sei que ficou longo mas as informações principais estão aí disponíveis para vocês! Espero que gostem e que seja útil!

Fonte: Mais Você

Uma pessoa curtiu.

Formada em psicologia, amante da fotografia e super interessada em tudo que envolve mães e filhos.

Comentários

  1. gardenia carvalho de sousa barros Diz::

    eu nao perco o programa …paro tudo p acisstir …esta fantastico!!!

  2. melissa Diz::

    amei esse programa

  3. andressa Diz::

    parabens melina vc linda e vc ja e a vencedora beijos….

    • isabelly Diz::

      ela e mt fofa mesmo,mas se ela e o Derick ficar na final eu votarei nele,pois acho q a mae dele lutou mt pra conseguir a final…. mas vamos ver quem vai ganhar,ne?e ele e mt fofo tm!

  4. isabelly Diz::

    amei esse programa….nao perco um dia!!!…

Deixe seu comentário

*